"Apenas sentimentos, refletidos através de uma conversa, filme, livros, séries, tudo aquilo que nos faz enxergar a vida de uma forma diferente e irrefletida em nossas emoções".

segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Resumo de 2016

Posso afirmar que o ano de 2016, foi de altos e baixos, mas também de muita aprendizagem.
Na vida nada mudou de forma abrupta, foi tudo de forma lenta a me fazer pensar nos prós e contra, acho que trabalhei mais esse meu lado racional/sentimental.
Meus velhos tiveram uma melhora, seguida da piora e resistiram ao ano, fazendo com que a família se mobilizassem por eles, mas que não ouvesse contato entre si, tipo: somos uma família, mas cada um por si, nos comunicamos só o necessário, o teu problema é seu e siga seu caminho.
Na faculdade, acredito ter ido de mal para pior, mesmo com ajuda de amigos e de uma professora, não melhorei em nada, fiquei entre desisti ou apenas tentar empurrar com a barriga.
No meio do ano arrumei um estágio, que me fez colocar os olhos fora da lama que me cerca, mas como tudo não durou muito.
O que foi certeiro em 2016, apenas o caminho mais pedragoso, apenas a vontade de jogar tudo para o alto e seguir sei lá para onde.
Então foi assim o meu ano que passou, se para este novo ano tenho expectativas, nenhuma, perdi o meu time de ver a mudança assim tão rápida, fiquei mais cínica ou apenas apurei o que já tinha, então vamos a luta.