"Apenas sentimentos, refletidos através de uma conversa, filme, livros, séries, tudo aquilo que nos faz enxergar a vida de uma forma diferente e irrefletida em nossas emoções".

sexta-feira, 13 de março de 2015

Drácula: A História Nunca Contada.




"Os súditos os chamam de Príncipe e Eu o chamava de Pai, mas o mundo o chama de Drácula".

Estava na curiosidade de assistir esse filme, afinal quem nunca foi apaixonada (o) por Drácula, quem não gosta de um filme sobrenatural e também gostaria de saber realmente se existiu ou não. 

"Eu só quero paz, só isso..."

O nosso querido Vlad Tepes, foi entregue para os Turcos pelo seu Pai aos 10 anos e foi transformado em guerreiro,  logo Vlad ganhou fama pela ferocidade nas batalhas e também por empalar os derrotados. Ao seu retorno a pátria amada Transilvânia, foi nomeado Príncipe e durante 10 anos, viveram em paz com os Turcos.

"Seu retorno deu 10 anos de paz a Transilvânia".

Mas, nem tudo pode ser rosas, numa das suas vistoria pelo reino ele descobre o desconhecido e daí muita coisa em sua vida pode ser mudada e suas escolhas podem não ser o certo.
Na comemoração da Páscoa, o Sultão Mehmed - Turco, solicita 100 crianças com idade entre 08 a 10 anos, para que fossem treinados pelos Turcos, e Vlad se vê num impasse já que seu próprio seria entregue, ele vai vai o Sultão solicitar a licença de não entregar as crianças e se entregar em troca, sendo desta forma negado. 

"Até onde você iria para salvar seu filho?"

Neste momento, é feito uma escolha onde não terá mais volta, um acordo firmado entre a escuridão e um homem, onde apenas o desejo de Vlad é "Salve meu reino, salve meu povo, salve minha família", onde a escuridão o responde : "Às vezes o mundo não precisa de um herói, às vezes precisa de um monstro...", neste momento firmado apenas o encontro entre duas pessoas que desejam mais do que o esperado.

"Pois se eu sou a sua solução você é a minha".
"Luz e Trevas / Esperanças e Desespero."

Agora a batalha é inciada, onde o monstro é mostrado e sua esposa Mirena é sacrifica em troca do filho e sua vida toma novo rumo onde eles firmam os seus votos "Não pense separadamente nesta ou na próxima vida, por que uma dá para outra".
Quando ele vai em busca do filho, muita emoção e comoção, é feita uma escolha e tomada uma decisão, como disse seu criador "Que os jogos comecem"

"O meu nome é Drácula - o filho do Demônio".