"Apenas sentimentos, refletidos através de uma conversa, filme, livros, séries, tudo aquilo que nos faz enxergar a vida de uma forma diferente e irrefletida em nossas emoções".

domingo, 28 de setembro de 2014

Livro: O Terceiro Travesseiro



Esse livro foi uma indicação, e assumo nunca tinha lido um livro homossexual, então para minha surpresa além dessa é do escritor brasileiro.
Quando comecei a ler, primeiramente tive a certeza que estava na hora de quebrar esta barreira, pois hoje o mundo está mais aberto e todos devemos aprender a respeitar o outro, suas escolhas e decisões.
No decorrer da leitura me surpreendi, por tanto conhecimento e também emoção que o autor nos passa, ele é um livro com vários conteúdo erótico, mas não deixa nada a desejar no romance e na questão familiar, no mostra que não importa sua opção, realmente o que nos faz sermos melhores é o apoio a nossa decisão frente a sexualidade.
Para minha estupefação, cheguei a chorar no livro, pois o final me surpreendeu de uma forma que não podia questionar, nos mostrar o primeiro amor, a questão da alma gêmea, a fidelidade e também o seus próprios questionamentos.
Marcus e Renato, são adolescente de classe média alta, com uma amizade de escola, até que o Marcus se descobre apaixonado por Renato e um dia decide agir e se surpreende, dai você imagina os questionamento relacionado a amizade, família e também como o mundo os vês, e principalmente como colocam a religião frente a isso, mas como sempre se diz, se fosse um romance hétero, todos iriamos falar não importa nenhum empecilho, apenas o amor que os dois sentem!!! Quanta hipocrisia quando não é o que estamos acostumados a ver e enxergar, esse livro é uma forma de aprendermos a nos dá com as diferenças, não tão diferentes frente ao amor, a compreender e quem sabe aceitar, uma ajuda para os dois lados: os héteros e os homossexuais, pois cada um tem suas questões a resolver e como resolver.
Super indico a todos.